“GAIa – Geothermal Azores Iceland Programme”, Área Programática Energias Renováveis – AP6

O programa denominado “Geothermal Azores Iceland Programme” (GAIa Programme) contribui para o reforço das Relações Bilaterais, um dos principais objetivos dos EEA Grants, entre os países Doadores (Reino da Noruega, Principado de Listenstaine e Islândia) e os países beneficiários, como os Açores – Portugal. Os recursos geotérmicos existentes nos Açores e na Islândia são uma excelente plataforma para o intercâmbio de know-how e reforçar a cooperação entre estes dois países, neste sector específico, ao nível do programa e dos projetos.

 

A autoridade nacional de energia islandesa (Orkustofnun – OS), como parceiro de Programa (DPP) por parte dos países doadores e a EDA, como Operador de Programa (OP) da área programática Energias Renováveis (AP6), colaboraram intensamente desde o início da fase de planeamento do “GAIa Programme”.

 

O Programa foi concebido e realizado em parceria entre o OP e o DPP e a colaboração vai continuar ao longo da seleção, execução e acompanhamento dos projetos no âmbito do “GAIa Programme”.

 

De acordo com o artigo 3.6 do Regulamento de Implementação do Mecanismo Financeiro do Espaço Económico Europeu 2009-2014 (MFEEE 2009-2014), o montante de € 70.588 será disponibilizado, a nível do “GAIa Programme”, para o reforço das relações bilaterais. Compete à EDA e à OS, como DPP por parte dos países doadores, a gestão deste Fundo, após aprovação do Gabinete do Mecanismo Financeiro 2009-2014 (FMO).

 

No contexto dos EEA Grants 2009-2014 e do “GAIa Programme”, o reforço das relações bilaterais será alcançado através da “criação de uma rede de trabalho, intercâmbio, partilha e transferência de conhecimento, tecnologia, experiência e melhores práticas”.